Mais uma vez Alexandre Herchcovitch e Fábio Souza apresentaram uma coleção cheia de atitude trazendo uma das principais identidades da À LA GARÇONNE estampada na maioria das peças, a corda náutica, além da evolução contínua nos elementos da sua marca registrada: Alfaiataria com pegada StreetWear.

Uma coleção composta por uma grande variedade de moletons, jeans, calças, jaquetas, t-shirts e claro, as parcas e jaquetas com desenhos pintados à mão (eu piro demais), que se tornaram DNA da marca. E isso é feito de forma proposital e pensada, para que quando vistas, sejam reconhecidas de cara, assim como grandes marcas tem feito mundo afora. Uma coleção feita para todos, sem regra de quando devem ser usadas.

O que se destaca na construção e uma história super sólida da À LA GARÇONNE, são as parcerias que Alexandre e Fábio tem firmado nas temporadas. Nessa foram 10, e entre elas, Dickies, Hering, Vans e Puket, que fazem com que a marca consiga atingir um público maior, que não pode pagar o valor de umas das jaquetas pintadas à mão, por exemplo.

A marca optou por um desfile independente, fora do SPFW, como frisou no próprio perfil do Intagram (alagarconne), fazendo sua apresentação no sábado (26/08), dia que antecedeu a abertura oficial do evento, no Theatro Municipal de São Paulo.

Confiram os looks da coleção:

Créditos da fotos: Zé Takahshi/Agência Fotosite

 

O que vocês acharam da coleção?

Pirei nas jaquetas (óbvio), nos tênis em parceria com a Vans e as meias também curti!!

Essa semana tem tudo do SPFW por aqui, e vocês podem acompanhar muito mais conteúdo no meu Instagram (eduardojede)… Os looks já estão preparados!!!

Fui…

SalvarSalvar

Share: